EMEI ALUÍSIO DE AZEVEDO

Minha foto
SP, DRE Penha - Mooca - SP, Brazil
Fone: 2965-3891 End:Rua Farol Paulistano, 250 Responsável pelo blog Professora Elaine de O. Della Ripa.

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

TEATRO JOÃO E MARIA

ERA UMA VEZ UM LENHADOR QUE TINHA 2 FILHOS - JOÃO E MARIA. A MÃE DELES HAVIA MORRIDO E ELE CASOU-SE NOVAMENTE. UM DIA A MADRASTA FALOU QUE PRECISAVAM DEIXAR AS CRIANÇAS NA FLORESTA, POIS NÃO TINHAM MAIS DINHEIRO, NEM COMIDA. O LENHADOR ACEITOU COM DOR NO CORAÇÃO.



JOÃO E MARIA OUVIRAM A CONVERSA .







JOÃO SAIU PELO QUINTAL E PEGOU PEDRINHAS QUE BRILHAM NO ESCURO. DEPOIS VOLTOU A DORMIR.







NO OUTRO DIA, BEM CEDINHO, A MADRASTA ACORDOU AS CRIANÇAS, DEU-LHES UM PEDAÇO DE PÃO E FORAM À FLORESTA.







 JOÃO FOI JOGANDO PEDRINHAS PELO CAMINHO.









CHEGANDO NA FLORESTA O PAI DISSE QUE IRIAM BUSCAR LENHA, MAS NÃO VOLTOU.







JOÃO ENTÃO TEVE A IDEIA DE SEGUIR AS PEDRINHAS PARA VOLTAR PARA CASA.







ELES CONSEGUIRAM ACHAR O CAMINHO. O PAI FICOU MUITO FELIZ, MAS A MADRASTA FICOU MUITO BRAVA E RESOLVEU CONVENCER O MARIDO A LEVÁ-LOS DE VOLTA.
















JOÃO A E MARIA OUVIRAM TUDO NOVAMENTE.
SÓ QUE DESTA VEZ A PORTA ESTAVA FECHADA E JOÃO NÃO CONSEGUIU PEGAR AS PEDRINHAS. QUANDO A MADRASTA LHES DEU O PÃO, JOÃO TEVE A IDEIA DE JOGAR MIGALHAS DE PÃO PELO CAMINHO.







ANDARAM MUITO PELA FLORESTA
 E JOÃO FOI JOGANDO AS MIGALHAS.


MAIS UMA VEZ ELES NÃO VOLTARAM. MARIA CHORAVA MUITO.
ANOITECEU, ADORMECERAM E NO DIA SEGUINTE FORAM SEGUIR AS PISTAS QUE JOÃO HAVIA DEIXADO...



                                                    ...MAS OS PASSARINHOS HAVIAM COMIDO TODAS AS MIGALHAS E ELES FICARAM PERDIDOS NA FLORESTA.








MARIA ESTAVA DESESPERADA E JOÃO TENTAVA CONSOLÁ-LA DIZENDO QUE ENCONTRARIAM O CAMINHO DE VOLTA.


DE REPENTE MARIA VIU UMA CASINHA FEITA DE BALAS E CHOCOLATES, ELES ESTAVAM COM FOME E COMEÇARAM A COMER.

OUVIRAM UMA VOZ QUE VINHA DE DENTRO DA CASA PEDINDO PARA QUE ENTRASSEM.







ERA UMA VELHINHA QUE PARECIA SER MUITO GENEROSA E BOA. ELES ENTRARAM,  ELA DEU COMIDA E COLOCOU-OS PARA DORMIR.





NA VERDADE ELA ERA UMA BRUXA MALVADA QUE GOSTAVA DE COMER CRIANÇAS.

NO OUTRO DIA A BRUXA PRENDEU JOÃO E PEDIU À MARIA PARA DAR BASTANTE COMIDA PARA O IRMÃO.
TODOS OS DIAS ELA PEDIA PARA VER SEU DEDINHO E JOÃO ERA MUITO ESPERTO, MOSTRAVA UM OSSINHO DE GALINHA PARA ENGANAR A BRUXA QUE NÃO ENXERGA DIREITO.
A BRUXA ACHAVA QUE ELE ESTAVA MAGRINHO .
ATÉ QUE UM DIA A BRUXA DISSE QUE MESMO MAGRINHO IRIA COMER JOÃOZINHO.






CONTOU À MARIA QUE IRIA ASSAR O PÃO E DEPOIS SEU IRMÃO.
MARIA IMPLOROU PARA QUE NÃO FIZESSE AQUILO COM SEU IRMÃO, MAS NÃO ADIANTOU.






MARIA FOI BUSCAR A LENHA, MAS NO CAMINHO
TEVE UMA IDEIA...










ELA DISSE À BRUXA QUE NÃO SABIA COLOCAR A LENHA NO FORNO E A BRUXA IRRITADA FOI EXPLICAR.

MARIA APROVEITOU A SITUAÇÃO E EMPURROU A BRUXA PARA DENTRO DO FORNO. SÓ SE OUVIAM OS GRITOS DA MALVADA... AIAIAIAIAIAIAI!!!!!






MARIA SALVOU SEU IRMÃO E O ABRAÇOU


ELES ENCONTRARAM UM MONTE DE JÓIAS E PEDRAS PRECIOSAS E FORAM TENTAR ACHAR O CAMINHO DE VOLTA.







CONSEGUIRAM CHEGAR EM CASA.

 AS CRIANÇAS E O PAI FICARAM MUITO FELIZES E COMO A MADRASTA HAVIA MORRIDO, GANHARAM UMA NOVA MÃE, MUITO BOAZINHA.



ELES SE ABRAÇARAM E FORAM FELIZES PARA SEMPRE.









        ESTE PROJETO FOI DESENVOLVIDO PELOS ALUNOS DO INFANTIL II - 6 B - JUNTO COM A PROFESSORA ELAINE.
       TODOS OS ALUNOS DA SALA SABIAM TODAS AS FALAS, SURGIU DELES O INTERESSE APÓS OUVIREM A HISTÓRIA CONTADA PELA PROFESSORA.
      O TEXTO FOI ADAPTADO E REESCRITO PELA PROFESSORA ELAINE DE OLIVEIRA DELA RIPA.
      A VOZ DAS CRIANÇAS FOI GRAVADA NO AUDACITY E OS EFEITOS ESPECIAIS TORNARAM AINDA MAIS EMOCIONANTE ESSA HISTÓRIA QUE FOI APRESENTADA A TODOS OS ALUNOS DA EMEI NA SEMANA DA CRIANÇA.
     OS ALUNOS QUE PARTICIPARAM SENTIRAM-SE MUITO VALORIZADOS.
     PARTE DO CENÁRIO FOI FEITO PELAS CRIANÇAS E PELAS PROFESSORAS.
     TODOS OS CAMPOS DE EXPERIÊNCIA FORAM TRABALHADOS NESTE PROJETO QUE TEVE UM FINAL MUITO FELIZ!!!








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita, você é o número...

Contador de visitas